Voltar Ir para o CaridadX

Andando...

Continuamos andando por aqui no CaridadX. Foram meses de muito trabalho e muitas definições. Por isso não atualizamos o blog por um bom período.

Mas finalmente aqui vão algumas atualizações sobre o projeto. Todas importantes, por isso separamos por itens.

  1. Atualizações Sobre o Projeto
  2. Nosso Período de Aceleradoras e Inbubadoras
  3. Nova Integrante na Equipe
  4. Cobrança de Taxa
  5. Doação sem Login (sem Cadastro)
  6. Nova Cara
  7. Novo Termo de Uso

1. Atualizações Sobre o Projeto

No final do ano de 2014 e início de 2015 tivemos um aumento no número de Causas cadastradas no site. Atualmente passamos de 300 Causas cadastradas. Nem todas acabam indo para o ar, por vários motivos no meio do caminho, mas desde que o projeto começou, mais de 220 Causas foram ao ar.

Atualmente contamos com quase 4.000 usuários cadastrados, mais de 2.500 doações e passamos recentemente a marca de R$ 100 mil levantados para as Causas. É uma grande satisfação saber que em pouco mais de um ano do site no ar, já foi possível ajudar tanta gente! Obrigado a todos que nos ajudaram a poder fazer isso.

Outra grande satisfação que podemos registrar aqui é que fizemos tudo isso sem cobrar taxas para a plataforma, ou seja, com a ajuda de empresas, pessoas parceiras e com a ajuda das próprias pessoas da equipe CaridadX, pudemos reverter tudo em favor das Causas. Novamente, agradecemos a todos por isso.

Mas sabíamos que um dia iria chegar o dia que não conseguiríamos continuar cobrindo todas as taxas. As taxas dos bancos, dos cartões de crédito e dos meios de pagamento nós já tivemos que parar de cobrir há alguns meses (mais ou menos desde Agosto/Setembro de 2014), e atualizamos essa informação no Termos de Uso e nas Perguntas Frequentes. E agora vamos parar de cobrir a taxa da plataforma.

Os sites de crowdfunding, como o nosso, vivem de taxas cobradas em todas as transações financeiras processadas pelo site. O valor médio dessa taxa em todos os sites é de 10%, sendo que existem sites que cobram mais (por exemplo, mais que 15% podendo chegar a 20%), e alguns que cobram menos (os que cobram menos na grande maioria têm um fim de ajudar, um fim social de alguma forma). No caso do nosso, queremos ajudar, mas temos que a partir de agora cobrir alguns custos básicos do projeto, portanto estipulamos a nossa taxa em 7%, conforme explicamos detalhadamente mais abaixo.

2. Nosso Período de Aceleradoras e Inbubadoras

Nós somos uma Startup (empresa iniciante ou empresa nascente), e temos todas as dificuldades e desafios de uma Startup. Para nós, existem ainda mais desafios por se tratar de um projeto do setor 2,5 (mais sobre isso, veja aqui, Empreendedorismo Social).

No segundo semestre do ano passado submetemos o projeto CaridadX para duas aceleradoras/incubadoras, e fomos aceitos. Passamos quase que todo o segundo semestre trabalhando ativamente no intuito de acelerar e impulsionar o nosso projeto. No mesmo período trabalhamos na "pré-incubadora" da PUCPR (depois nomeada HotMilk) e no projeto de aceleração e mentoria da Inovativa Brasil. Foi um período muito bom, mas que consumiu muito tempo da equipe, que teve que se dividir, para atender aos dois programas que correram nos mesmos meses.

Para nossa satisfação, no caso do projeto Inovativa Brasil, o CaridadX foi selecionado entre os "Top 20" de mais de 700 Startups que se inscreveram no programa. Por conta disso fomos chamados para apresentar o projeto, em Dezembro de 2014, no evento Anjos do Brasil e no evento Senai Inovação, em São Paulo. Foi uma semana de muita atividade e criamos muitos relacionamentos. Temos certeza que todo esse trabalho e esses relacionamentos foram úteis para o projeto e farão a diferença no futuro. Novamente aqui, obrigado a todos!

Foi um período bom, mas sabemos que nosso principal foco não é nos inscrevermos para aceleradoras e incubadoras. Fizemos isso justamente com o intuito de buscar crescer, buscar estruturação e também buscar parceiros e ajuda. Foi feito. Mas agora, novamente, para o foco.

3. Nova Integrante na Equipe

Nosso principal foco continua sendo atender aos nossos clientes. No nosso caso isso é mais importante ainda, pois sabemos que quando chegaram até nós, é por que precisavam de ajuda. Então vamos continuar assim.

Umas das coisas que foi evidente no nosso projeto nesses últimos três meses, foi o gargalo. As coisas "engargalaram". Tinha tanto trabalho, que o fluxo começou a ficar mais lento. Tivemos mais Causas, mais usuários, mais doações, somado ao fato de que havia trabalho para as aceleradoras e incubadoras, e somado ao fato que é um período de feriados, festas (natal, ano novo, carnaval) e férias, no Brasil. Olha, não foi fácil. E pedimos desculpas aqui, novamente, por atrasos em atendimentos que ocorreram, mas estamos capturando o tempo.

Umas das coisas que observamos é que era necessário uma pessoa apenas dedicada para atendimento às Causas. Atendimento, principalmente, aos usuários, quem cria as Causas. Até então estávamos fazendo isso dividindo o trabalho entre os co-fundadores, mas cada um tinha também suas tarefas técnicas do projeto, e não era fácil conciliar. Portanto, observamos que era necessário uma nova pessoa. E temos a satisfação de comunicar aqui que há uma semana, a nossa nova integrante da equipe começou a nos ajudar, a Amanda, que muitos irão provavelmente conhecer.

Amanda, seja bem vinda, e obrigado pela sua dedicação, empolgação, seriedade, maturidade (apesar da idade ☺) e por abraçar esse projeto junto com a gente.

4. Cobrança de Taxa

Como comentado acima, chegou o momento que vamos começar a cobrar taxa para a plataforma. O projeto cresceu, temos estrutura de informática, temos pessoal, e as ajudas de empresas e pessoas físicas estão acabando.

Portanto, a partir de hoje, (16/03/2015) passaremos a não cobrir mais a taxa da plataforma. Em outras palavras, a partir de hoje, novas Causas que forem criadas na plataforma passarão a ter uma taxa de 7%, que será usada para cobrir alguns custos básicos do projeto.

As pessoas que criarem novas Causas serão informadas pessoalmente sobre a taxa nos próximos dias, e nosso Termos de Uso foi atualizado para refletir essa informação. Desde o início do projeto havia no Termo de Uso a informação sobre a taxa, pois é a forma que sites de crowdfunding sobrevivem, mas havia também a informação que por enquanto a equipe CaridadX estava cobrindo esse custo. A partir de agora não poderemos mais cobrir.

Esperamos que isso não afete a confiança que já foi depositada por tantas pessoas em nosso projeto, e esperamos até que crie um efeito contrário, ou seja, a taxa nos permita a fazer com que ajudemos, ainda mais as pessoas, do nosso jeito, com o uso da tecnologia.

Ainda temos como parte de nossas tarefas, a busca de parcerias corporativas, no intuito de diminuir taxas e ajudar também nas Causas, mas não é uma tarefa fácil, e à medida em que formos conseguindo parceiros, iremos comunicar aqui.

5. Doação sem Login (sem Cadastro)

Outra novidade que passou a funcionar essa semana também á a Doação sem Login, ou Doação sem Cadastro. Aqui é importante explicar com calma.

Desde o início do projeto tivemos a política que, mesmo para as doações para as Causas, a pessoa deve criar um cadastro no site, ou seja, criar um login.

O principal motivo dessa política foi a credibilidade.

Sabemos que a credibilidade é a prioridade número 1 do nosso projeto. Para um site que ajuda pessoas, é necessário que, quem ajude, tenha confiança, tenha credibildiade, no site. Tenha credibilidade no projeto.

Não apenas a pessoa que doa, mas a pessoa que cria uma Causa também.

Então, essa continua sendo a prioridade número 1 do projeto. O foco são os usuários. A prioridade é a credibilidade.

Ficamos com esse período de pouco mais de um ano operando dessa maneira, com o pré-requisito que a pessoa tem que criar cadastro, também, para doar.

Sabemos que essa decisão tem vantagens e desvantagens. A vantagem, é que dá uma propensão a que ocorram menos problemas relacionados à credibilidade, a desvantagem é que certamente faz com que se tenham menos doações.

No intuito de ajudar, ainda mais, as Causas, pensamos que é mais importante permitir que hajam mais doações. Movimentos que permitem isso são: bom atendimento, taxas baixas e doação sem requerer cadastro (ou login). E estamos realizando exatamente esses movimentos.

Pela nossa experiência de um ano vendo como o mercado se comporta, acreditamos que para doações, o fato de não requerer login, não vai impactar na credibilidade (ou haverá um impacto mínimo), e o benefício é muito alto para as Causas, pois haverão mais doações. Pelo que observamos do comportamento, as pessoas, quando acreditam, quando se sensibilizam com a Causa, quando conhecem a família, quando querem ajudar mesmo, doam. E os meios de doar que elas escolhem já têm suas formas de segurança (bancos, cartões de crédito, Pagseguro, Paypal, etc).

Portanto, outra novidade a partir dessa semana, é a doação sem login. Acreditamos que é um importante passo do projeto, e isso irá ajudar, ainda mais, as Causas.

6. Nova Cara

Na era de sites bonitos, Startups modernas, design responsivo, suporte para dispositivos móveis, etc, sabemos que o design de um site é importante. Nós mesmos achamos que o nosso design não é o mais bonito do mundo, e tem muitos pontos para melhorar. Recebemos sugestões quase que semanalmente nesse assunto.

Bom, sabemos disso, e queremos sim melhorar o nosso design. Mas ao mesmo tempo temos recursos limitados, e o tempo das pessoas e de quem atua tecnicamente no website está voltado para outras funcionalidades, que consideramos também importantes, e em alguns casos, fundamentais para a continuidade do projeto.

Mas para não deixar o design sem nenhuma prioridade, essa semana também fizemos algumas pequenas mudanças, mais estéticas mesmo, e esperamos que tenha ficado melhor. No futuro, temos plano (e até mesmo um sonho) de melhorar bastante a plataforma, mas isso requer muitos investimentos, e estamos andando da maneira que podemos. Certamente, mesmo assim, chegaremos no nosso objetivo.

7. Novo Termo de Uso

Por fim, para refletir algumas dessas mudanças, atualizamos nosso Termos de Uso. Depois de mais de um ano com o Termo de Uso original do projeto, essa é a primeira atualização.

A atualização foi pequena, apenas para refletir o fato de que a taxa agora é cobrada, que não iremos mais cobrir a taxa, mas é importante deixar essa informação bem clara e disponível para todos, por isso está no Termos de Uso, e está sendo informada para todos que interagem com o site.



Bom, em resumo.

Tivemos muito trabalho nesses últimos meses, e continuaremos tendo. Aos poucos o projeto fica cada vez melhor. E vamos andando...